Mediador

Categories: Devocionais

adventoPorque há um só Deus e um só mediador entre Deus e os homens, Jesus Cristo, homem. 1 Timóteo 2.5

A condição do homem exigia a encarnação divina; o homem ficara espiritualmente morto, sem outro modo de aproximar-se de Deus. A encarnação de Cristo ofereceu à humanidade ter Aquele que é o Mediador entre Deus e o homem.
Sendo igual a Deus e, por outro lado, unido ao homem, Jesus pôde tomar sobre Si a culpa da traição do homem e satisfazer as reivindicações da Justiça divina e, assim, ser uma ponte sobre o abismo que separava Deus e o homem.
Deus criou o homem à Sua imagem, criou o homem um pouco inferior a Ele mesmo, em uma semelhança tão próxima à Sua que foi possível Deus e o homem ficarem unidos por toda a eternidade em um só indivíduo! Quando Cristo Se tornou homem e assumiu um corpo físico na encarnação, Ele o fez por toda a eternidade. Logo, hoje há no céu um Deus que viveu como homem, Ele está à destra do Pai. Jesus tornou possível a união entre Deus e o homem!
Deus pode habitar nesse corpo humano. Deus pode transmitir Sua vida e Sua natureza ao nosso espírito. Isso é o que acontece no novo nascimento: a morte espiritual é erradicada do espírito, e Deus dá ao homem a Sua vida!

Confissão: “Hoje, à destra do Pai, há um Deus que foi homem, o nosso Mediador, Jesus Cristo. Jesus ligou o abismo que havia entre mim e Deus. Ele tornou possível que a morte espiritual saísse do meu espírito, para ceder lugar a vida e a natureza de Deus em meu espírito. Por isso, Deus agora habita em meu espírito. Deus vive em mim!”

Fonte: Alimento da Fé – Kenneth E. Hagin

Author: renovacaoemcristo

Deixe uma resposta

vinte − três =